CONTRA OS ABUSOS DO PODER VENHAM DONDE VIEREM
Segunda-feira, 16 de Março de 2009
Mal-me-quer

 

 

          O Senhor Presidente do G.R. da Madeira disse ontem em inflamado discurso que não queria cá "continentais" que não quisessem trabalhar.

          Nasci em Lamego há quase setenta anos, vivo na Madeira há mais de quinze e não quero trabalhar...

           Fiquei borradinho de medo!

 

 

 

 



publicado por Fernando Vouga às 13:37
link do post | comentar | favorito
|

14 comentários:
De Luís Alves de Fraga a 17 de Março de 2009 às 19:04
Caro Amigo Vouga,
Ora aqui está o argumento que me faltava para justificar a falta à promessa de visitar a Madeira e os meus Amigos que lá residem!
Tenho de ficar grato ao senhor presidente...
Um abraço


De Fernando Vouga a 17 de Março de 2009 às 19:45
Meu caro Alves de Fraga.

Muito me honra a sua visita.
Pode (e deve) vir quando quiser. Aquilo é paleio para impressionar o famoso "Povo Superior" (para não dizer parolada...).

Um abraço


De António José Trancoso a 19 de Março de 2009 às 10:02
Pois,pois...eu bem te entendo...
À falta de melhor, um náufrago, em desespero, até a uma tábua podre se agarra...


De Anónimo a 18 de Março de 2009 às 02:04
O acessor do Senhor Presidente da Câmara Municipal de São Vicente deve ter levado as palavras do "grande timoneiro" à letra. É que não tem aparecido nos Passos do Concelho. Pelo menos há duas semanas. Consta que a PJ anda por lá a ver papelinhos sem importância. Mas a causa da ausência, para mim, foram as palavras do grande "muzungu"


De Fernando Vouga a 18 de Março de 2009 às 16:28
Caro amigo

Onde é que foi desencantar essa palavra?
Para quem não saiba, "muzungu" ou "mezungo" (há outras variantes conforme as etnias) quer dizer "homem branco". Isto nas longínquas paragens da África Oriental, nomeadamente em Moçambique. De certa forma, era usado como depreciativo.


De Anónimo a 21 de Março de 2009 às 23:59
Nem mais.
Usei Muzungu que é como quem diz. Em terra de homens cegados, quem é muzungu, é cacique.


De Vilhão Burro a 19 de Março de 2009 às 16:21
Senhor Coronel
O Mundo dá muita volta !!!
Para quem adorava Salazar, ter, agora, esta reina aos continentais, não é de espantar?!
Cá p`ra mim, parece-me que o meu "querido ditadorzinho de aldeia" anda a precisar de uma afinação na caixa dos pirolitos.
Eu, que sempre nele botei o meu boto, digo, voto, começo a ficar mal na fotografia.


De Dulce a 19 de Março de 2009 às 18:16
Lol. Pode sempre refugiar-se no "cãotenente"...


De Anónimo a 27 de Março de 2009 às 23:06
Só espero é que qualquer dia não me venham com cunhas para lhes arranjar um salvo-conduto.......


De Fernando Vouga a 28 de Março de 2009 às 01:31
Caro Anónimo

Já vi que é uma pessoa honesta que, evidentemente, não aceita cunhas. Gosto disso, sim senhor!
Mas nada o impede de aceitar uma pequena lembrança só para agilizar o sistema. Por outras palavras, trata-se apenas de mostrar gratidão pelo seu elevado mérito.
Já agora, tem alguma conta em offshore?


De Anónimo a 28 de Março de 2009 às 23:53
Contas em offshore da Madeira é que não. Uma coisa básica é nunca pôr os ovos todos no mesmo cesto. Quanto às bocas do grande chefe cá do burgo, foi com certeza para lembrar que a Madeira já foi descoberta há muitos, muitos anos (1419) por um grande Senhor chamado Zarco e que se saiba não foi clonado, dispensando-se por conseguinte quais imitações baratas que por vezes por aqui aparecem. Normalmente quem vem trabalhar não tem tempo para andar a fazer descobertas por estas bandas..... Quem vem de fora deve adaptar-se. Se quiserem colaborar, se o fizerem humildemente e sem arrogâncias até serão reconhecidos e serão bem vindos. Outras atitudes com tiques coloniais, há muito que não têm o mínimo cabimento. Há forasteiros que pensam que a Madeira é "terra de pretos". Por acaso até temos cá vários exemplares que se portam como tal (apesar de terem a pele branca), mas isso é uma fatalidade que nenhuma terra poderá gabar-se de não possuir. Em jeito de conclusão diria que "cada terra com o seu uso cada roca com o seu fuso"........o que subentende tratamentos entre iguais e não sobrancerias seja de quem for........


De Anónimo a 27 de Maio de 2009 às 09:44
Sempre pode voltar a Lamego. grande terra, do bom fumeiro e da boa bola.

Cumprimentos


De Anónimo a 15 de Setembro de 2009 às 20:34
não te aflijas que tens cá casa. É velha mas condiz com a dona.

Lourdes Costa


De Fernando Vouga a 16 de Setembro de 2009 às 01:20
Olá mana

Vê-se bem que em Lamego ainda há hospitalidade.

Beijinhos


Comentar post

gse_multipart60608.jpg Tomates.jpg Santana Lamego
pesquisar
 
Setembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


Notas recentes

Dúvidas

Quando fala a ignorância....

Não será com mel que se a...

A nega de Temer

Lamego Monumental

A arte de distorcer

Uma questão de padrinho

Ele há cada alarve!

Culinária Gourmet

Convite

Favoritos

Deixem os amigos em paz

Para onde vais, América?

Arquivos
Tags

todas as tags

Blogs amigos
Mais sobre mim
GALERIA FOTOGRÁFICA
Xangai
Nepal
Brasil
Praga
Visitas
free web counter
blogs SAPO
subscrever feeds