CONTRA OS ABUSOS DO PODER VENHAM DONDE VIEREM
Domingo, 24 de Julho de 2011
Salto qualitativo

Imagem retirada da NET

 

          O maior partido da oposição tem, finalmente, um novo líder. Parece evidente que, a nível partidário, a situação melhorou muito. Quanto mais não seja, porque só podia melhorar...

          Estamos a atravessar uma crise gravíssima que exige que governantes e opositores tenham sentido de responsabilidade e deixem, de uma vez por todas, de colocar os interesses partidários acima dos nacionais. Porém, a campanha que o levou à vitória, deixou traços inquietantes. Falta de ideias, ataques pessoais, anomalias nas mesas de votos. Enfim, o costume.

          Resta perguntar: será que, apesar de tudo, António José Seguro já percebeu que fazer oposição é algo mais do que impedir o Governo de governar?



publicado por Fernando Vouga às 12:35
link do post | comentar | favorito
|

8 comentários:
De Jacaré Tem Dente a 24 de Julho de 2011 às 18:33
« Du pareil au même » !
Mangas e Mamões, que é como quem diz manguelas e chulos...

O quadrado da hipotenusa continua a ser igual à soma do quadrado dos catetos; é bem isso não é ?

Só peço confirmação para continuar fiel a Pitágoras.


De António Trancoso a 27 de Julho de 2011 às 18:43
Permita-se-me uma pequenina correcção: O quadrado da hipotenusa é igual à soma dos quadrados dos catetos.


De Jacaré Tem Dente a 27 de Julho de 2011 às 20:25
Aprovadíssimo, pois tem toda a razão e creia que humildemente "me dobro" e em sua atenção.
O Plural é neste caso importante e confesso não ter atentamente raciocinado...erro meu e que bastaria para que tivesse chumbado; como aliás chumbei num exame final de Cálculo Comercial, mas numa outra alínea.
Quis apenas brincar com a metaforica.
Agradeço a sua correcção.


De Jacaré Tem Dente a 27 de Julho de 2011 às 21:52
A sua advertência não poderia vir mais a propósito, é claro que a partir de um simples “S” muitas coisas serão modificadas…”SS” na Alemanha Nazi, “p S” na votação dos portugueses, “S” de Supremo e “S” de simples !
Plural é assim e confunde-se por vezes com pluralismo; o que não é bem a mesma coisa.
Creia que me senti confuso por esta minha falha; pois coisa que eu sabia, é que não se trata “da soma do quadrado”, mas sim da “soma DOS QUADRADOS”…
Não foi um “S” de sofisma nem um “S” de snobismo, creia Trancoso que foi só uma falha de memória e que, pois bem sei; dei barraca e por nada menos do que um plural…
Porém confesso-lhe que com este meu erro poderíamos talvez modificar as coisas, as desproporções seriam diferentes e talvez Portugal adviesse uma verdadeira e legítima nação.
Nem sempre os erros são afinal incoerentes…


De Fernando Vouga a 27 de Julho de 2011 às 21:44
Caroa amigos

Passem as amabilidades trocadas, que me dão muita alegria, julgo que esta minha nota tem a ver com a pollítica e não com a geometria. No fundo, gostaria de ter a vossa opinião (trocada em miúdos e não em catetos) sobre se a democracia está segura com o Seguro.

Mas, voltando à geometria, lembro-me de uma mnemónica, algo brejeira, para fixarmos o famigerado teorema de Pitágoras: Ela aí vai, embora un tanto truncada por causa das decências (coisa rara em política...):

Estava Pitágoras a ca.... em Siracusa,
Disse um dia aos seus netos:
— O quadrado da hipotenusa
é igual ao quadrado dos catetos.


De Jacaré Tem Dente a 28 de Julho de 2011 às 00:40
Excelente o seu humor e, creia, uma recordação que me vem de volta.
Falando de Pitágoras, brincando (como é claro) eu apenas quis dizer que o resultado é afinal igual; pois que seja de uma forma ou de outra, elevando as potencias, obtemos pela adição exactamente os mesmos resultados…sabe, mamões e mangas !
A Geometria pode também ser variável.
A política é afinal geométrica e, tanto vale “dar-lhe na cabeça; como na cabeça lhe dar”…
António José Seguro não passa de um cateto que será de forma bem oportuna elevado ao “quadrado”, se é que já não está (!?) …e em seguida adicionado ao restante lado do triangulo.
Zé Seguro não passa de um “líder” em triangulação, dependente, mais um “salva-pátrias” de bastidor.


De António Trancoso a 28 de Julho de 2011 às 14:39
Meu Caríssimo Amigo
Quem dera que a nossa classe política, que tanta cagada tem feito, e persiste em fazer, chegasse a conclusões tão acertadas como aquela a que Pitágoras chegou aquando da sua "obra" em Siracusa...


De Jacaré Tem Dente a 28 de Julho de 2011 às 18:13
Pois é bem claro que infelizmente não iremos acertar e só porque “os meios justificam os fins” e esses, os fins, são por enquanto desconhecidos do grande público.
Coisa certa penso eu, é que não temos ainda o “cérebro” eleito para dar realce às capacidades adormecidas deste nosso povo; povo este que por vezes eu condeno, mas que, porém, lhe reconheço relevos.
A força bancária faz degenerar alguns dos grandes homens dos nossos dias, as nossas universidades não formam – não há orçamento – as Matérias Cinzentas, essas emigram, não há quem lhes pague o justo valor e, creia, Zé Seguro será mais uma “espadeirada na água”: -…ou será que possa haver quem acredite ?
A oposição não passa de uma farsa, tudo se decide em célula maçónica e sempre de comum acordo para que o desprevenido de base possa oferecer o seu acordo, o seu voto, a sua opinião, para que o incauto ofereça só e apenas a sua ingénua sinceridade.
Que dizer de uma nação que não se pilota a si mesma?
Que pensar de um povo doce e sem força?
Que pedir a quem meios não tem?
Zé seguro ? Ele não segura nada !


Comentar post

gse_multipart60608.jpg Tomates.jpg Santana Lamego
pesquisar
 
Novembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
18

19
20
21
22
23
25

26
27
28
29
30


Notas recentes

Tratado de gestão de empr...

Pensamento do dia

Dúvidas

Quando fala a ignorância....

Não será com mel que se a...

A nega de Temer

Lamego Monumental

A arte de distorcer

Uma questão de padrinho

Ele há cada alarve!

Favoritos

Deixem os amigos em paz

Para onde vais, América?

Arquivos
Tags

todas as tags

Blogs amigos
Mais sobre mim
GALERIA FOTOGRÁFICA
Xangai
Nepal
Brasil
Praga
Visitas
free web counter
blogs SAPO
subscrever feeds