CONTRA OS ABUSOS DO PODER VENHAM DONDE VIEREM
Segunda-feira, 19 de Março de 2012
O Nostradamus do Século XXI

 

 

Vitor Gaspar poderá passar à História, não como ministro das Finanças de Portugal, mas como o Nostradamus do Séc. XXI. Acabei de ouvir no noticiário da RTP que profetizou o regresso do nosso país aos mercados financeiros internacionais no dia 23 de Setembro de 2013. Nem mais nem menos!

Estou certo de que a profecia só não se concretizará se se verificar uma das seguintes situações:

  1. O mundo acabará em 2012, como muitos defendem;
  2. O governo de Passos Coelho cairá antes da data marcada pelo ministro.

 

          Nota: não acredito que o Mundo acabe tão cedo...



publicado por Fernando Vouga às 20:59
link do post | comentar | favorito
|

5 comentários:
De Anónimo a 20 de Março de 2012 às 10:44

O mundo já acabou.
No acontecimento do 11 de Setembro, em NY, vimos o fim do Antigo Mundo.


De Anónimo a 20 de Março de 2012 às 14:46
Eu penso que Vitor Gaspar é mesmo capaz de dar a hora exacta da sua profecia.

Eu sei que a vigarice tem limites, mas, Vitor Gaspar é apenas um falso profeta dos tempos modernos, ele bem sabe das aldrabices que é capaz de contar, entretanto, o problema nao é o regresso de Portugal aos mercados financeiros; isso será uma evidência: - o problema é de funcionar, participar e ganhar dinheiro nos mercados financeiros... !

E para isso, Portugal, não penso que tenha pedalada em 2013... um ano é curto.

Vitor a gastar (peço perdão) Vitor Gaspar está muito longe do que a Europa pede e não será em 2013 que Portugal terá um posicionamento correcto na serpente económica.

Em 2020 talvez !?

 


De jorge figueira a 20 de Março de 2012 às 17:31
É profecia,e, tonta, concordo. O Sr. dr. Gaspar tem que alimentar o ego dos "portugas"! Vale, no caso do País, a doutrina de que o desequilíbrio do sistema monetário internacional e, a óbvia,  crise do Euro ajudaram a nossa queda. Nada disso, porém, justifica a loucura de terem gasto à tripa-forra durante tantos anos como se o dinheiro fosse um recurso inesgotável. As desconfianças dos mercados vão, por isso, manter-se e lendo a imprensa internacional há muita gente a enxotar Grécia e Portugal do euro. Dizem eles: depois fecha-se o cordão sanitário à volta de Itália e Espanha. Logo a afirmação de Victor Gaspar é, necessariamente, para português ouvir e não questionar.     


De Fernando Vouga a 20 de Março de 2012 às 19:31
Caro Jorge


"Vira o disco e toca a mesma". 
Já Sócrates (o Pinto de Sousa e não o filósofo) profetizou há tempos que Portugal seria o primeiro país a sair da crise...


De Anónimo a 20 de Março de 2012 às 21:09
... sim, mas a sair pela porta do WC !


Comentar post

gse_multipart60608.jpg Tomates.jpg Santana Lamego
pesquisar
 
Setembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


Notas recentes

Dúvidas

Quando fala a ignorância....

Não será com mel que se a...

A nega de Temer

Lamego Monumental

A arte de distorcer

Uma questão de padrinho

Ele há cada alarve!

Culinária Gourmet

Convite

Favoritos

Deixem os amigos em paz

Para onde vais, América?

Arquivos
Tags

todas as tags

Blogs amigos
Mais sobre mim
GALERIA FOTOGRÁFICA
Xangai
Nepal
Brasil
Praga
Visitas
free web counter
blogs SAPO
subscrever feeds