CONTRA OS ABUSOS DO PODER VENHAM DONDE VIEREM
Sábado, 21 de Março de 2020
Directamente da prisão domiciliária

Brusc.jpeg

 

Para matar o tédio em que nos encontramos todos nestes dias difíceis, ando a rever alguns filmes que tenho guardados em DVD. Calhou-me hoje o clássico do cinema a preto e branco, intitulado “Bruscamente no Verão Passado”, uma adaptação da peça com o mesmo nome de Tennesse Williams.

Com o desempenho magistral de Elisabeth Taylor, Montgomery Clift e Catharine Hepburn, somos confrontados com um drama psicológico intenso e profundo.

A acção decorre na decada de 50 do século passado e transporta-nos até aos meandros mais recônditos da mente humana. Na linha mestra do enredo está a pretensão de resolver uma hipotética doença mental através de uma lobotomia, técnica médica inovadora que afinal, não era tão promissora como se esperava...

 

Lobotomia é uma intervenção cirúrgica no cérebro em que são seccionadas as vias que ligam os lobos frontais ao tálamo e outras vias frontais associadas. Foi utilizada no passado em casos graves de esquizofrenia.

Em muitos casos, a lobotomia transformava os pacientes em vegetais ou simplesmente os tornava mais dóceis, passivos e fáceis de controlar.

Esta técnica foi desenvolvida em 1935 pelo médico neurologista português António Egas Moniz (1874-1955), em equipa com o cirurgião Almeida Lima, na Universidade de Lisboa. Egas Moniz veio a receber com este trabalho o Nobel de Fisiologia ou Medicina de 1949.

(Informação extraída da Wikipedia)

 



publicado por Fernando Vouga às 19:59
link do post | comentar | favorito

gse_multipart60608.jpg Tomates.jpg Santana Lamego
pesquisar
 
Março 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


Notas recentes

Directamente da prisão do...

Para quem gosta de ler

Para quem gosta de ler

O PUM militar

Para quem gosta de ler

A greve dos camionistas

Para quem gosta de ler

Carlos Matos Gomes

Presépio dos dias de hoje

O Rei vai Nu

Favoritos

O dedo na ferida

Deixem os amigos em paz

Para onde vais, América?

Arquivos
Tags

todas as tags

Blogs amigos
Mais sobre mim
GALERIA FOTOGRÁFICA
Xangai
Nepal
Brasil
Praga
blogs SAPO
subscrever feeds